terça-feira, 1 de março de 2011

Madrinha, quer Marlboro?

Não conheço nenhuma tabacaria em Luanda. O tabaco vende-se na rua, misturado com papaias, ananases, maçãs, laranjas, banana-pão e outras frutas que não consigo identificar (por ignorância frutícula), óculos de sol, produtos de manicure (das mais variadas proveniências), artesanato, cartões de recarga para telemóvel,  bébés de fralda a dormir em cima de panos, peixe seco, pilhas e sei lá eu mais o quê. Digamos que o comércio tradicional em Luanda faria as delícias da ASAE. E da comissão de protecção de menores também.

Se há coisa boa de ser fumadora em Luanda é que o tabaco aqui é uma real pechincha. Compra-se Marlboro a 200 kwanzas (mais ou menos 1,5 €) e já é carote. A coisa má é que não se vende o meu tabaco de eleição - Marlboro 100's. Quem me conhece sabe de cor e salteado que me recuso a dar um cêntimo por outro tabaco que não seja Marlboro 100's (já que me estou a matar, ao menos que seja com gosto e com classe). No entanto, não tive grande alternativa para suprir o meu vício que, diga-se, reduziu consideravelmente, graças à humidade e à poeira constante no ar que satisfazem parcialmente os meus alvéolos sedentos de nicotina. Ainda assim, não é desta que deixo de fumar. Chegará o dia.

Todos os dias de manhã, ao descer a rua, passo pelos moços que vendem tabaco importado (ou outra figura jurídica semelhante) de África do Sul, simetricamente organizado em dois caixotes de cartão sem tampa. Bastou comprar-lhes, por duas vezes, um Marlborozito (nome carinhoso que dou ao primo pobre do Marlboro 100's) para me ficarem a conhecer a preferência. Ou então lembram-se de mim por ser alta.

"Madrinha, quer Marlboro?"

 E foi assim que arranjei os meus personal dealers em menos de nada.

Ainda ontem me fiaram o tabaco.

"Não tenho troco Madrinha, paga amanhã."

Em Lisboa não se arranja disto.





5 comentários:

camaleoa disse...

Ahahahahahah...
E mai nada... Confiança acima de tudo... hehe..
Ahhh... mas confiança à parte vê mazé se deixas de fumar que isso só te faz é mal mulher..
:o))))

FTM disse...

Um dia... um dia...

Patita disse...

lol, pois era... bem me lembro do comércio de ocasião!!! Mas olha que compras o Marlboro caro, lol.
Agora pelo Natal andei a fumar SG Gigante (argh!!!!) mas que tinha custado nem um euro!

bjs

Maria Inês disse...

Há uma tabacaria no Hotel Skyna! ;)

FTM disse...

Obrigada pela dica Maria Inês! Bjs